Aqui no MBC NEWS, você sempre terá uma opinião!


quarta-feira, 1 de março de 2017

# MBCTRENDS : O crítico vídeo clipe de Katy Perry contra o EUA de Trump

LAVILLE E AS TENDÊNCIAS 00 MrLaville

Katy_Perry_-_Chained_To_The_Rhythm_Official_ft_Skip_Marley[baixavideos.com.br].mp4_snapshot_03.56_[2017.02.22_08.55.40]

Katy Perry ataca no “Acorrentados ao Ritmo”, ou como preferirem no “Chained To The Rhythm”, e a música é incrível e ainda mais por ser uma crítica a vida americana, tão diferente da Katy tão paz e amor da turnê e álbum PRISM, bem diferente do colorido de sua carreira, do “vamos curtir e dançar”, contudo dessa vez ela está enfurecida, mas não atoa por sinal, afinal, o cara pode afunda nem só os Estados Unidos e sim uma boa parte do mundo! É pensar muito pequeno achar que Trump é somente um problema exclusiva do poderoso império Americano, enfim, revoltada da vida Katy volta com seu 4° álbum como um verdadeiro protesto contra Trump, falando coisas como: “Estamos loucos?/Vivendo nossas vidas através de uma lente/Presos em nossa cerca branca de madeira/Como ornamentos/Tão confortáveis, estamos vivendo em uma bolha, bolha/Tão confortáveis, não conseguimos enxergar o problema, problema”, e isso é um alerta, pois deixaram um homem como o atual presidente na casa branca com o poder de criar guerras ou pior derrubar os EUA e o mundo, então temos que abrir nossas mentes olhar através das lentes certas e não cores de rosas e ver que Donald Trump não vai ver a gente como intocáveis, não estamos seguros em nossa cerca de madeira enquanto o cara branco (que por sinal não gosta da cor, gosta de passar uma tinta douradinha no corpo) na casa branca, enfim, Trump não é brincadeira gente e nem eu que fico parecido muitas vezes em uma nefasta bolha, ou melhor, no meu mundo sei que isso de um jeito ou de outro pode me afetar, não sejam pessoas estúpidas achando que estamos firmes e inabaláveis quando podemos ser surpreendido por um homem sem limites!

Sendo uma música em ritmo de um pop reggae, a ótimo ritmo, tons e melodias, são um pouco grudentas, mas, sem deixar de ser uma tremenda de uma crítica ao momento atual com esse sujeito sendo presidente, é claro, depois de Obama, o que foi e é em anos o grande e mais popular presidente dos Estados Unidos e até mesmo o presidente mais pop do mundo que ele foi, vem esse cara chamado Trump querer construir um muro, mandar os imigrantes embora, porém, o pobre milionário pelo jeito não sabe que a descendência, raiz e história dos EUA foram feitos por imigrantes, tanto é que tem o famoso “Sonho Americano”, daí eu lhe pergunto será que ele nunca ouviu falar disso e não sabe que a base dos americanos sempre foram os imigrantes? Tanto é que existia antes dele “pelo jeito ‘antes’”, de todo mundo querer morar lá e digo mais será que ele entende o que é isso? Será que ele não entende que isso que faz a America ser grande? Será que ele entende o significado histórico do nome “estados unidos”? Enfim, pelo jeito ele não entendeu essa parte sendo milionário e pelo jeito nunca vai saber o que é isso…

Katy Perry contra Trump 01

O vídeo é ainda mais cheio de críticas como a letra, primeiramente se passar no mundo utópico do parque “OblivIa” onde tudo é maravilhoso, mil maravilhas, superficial, felicidade para sempre, ou seja, “O maior passeio do universo”, onde há alguns dizeres que faz uma crítica para a sociedade americana e Trump como o muro, como o grande sonho americano indo para baixo, serem robóticos e zumbis que vive um sistema superficial de “likes” e outras coisas superficiais, onde tudo é uma alienação, e Katy Perry vai acordando aos poucos a realidade a parti que leva uma picada do espinho, na minha interpretação vejo que há um questionamento sobre o que é real ou não, o que é de valor e importante nesse mundo, tipo: Vamos ficar no virtual ou/e fingirmos serem felizes, realizados e que tudo está bem a nossa volta enquanto tudo está sendo destruído? Vamos ficar em uma bolha perseguindo sei lá que ilusão enquanto nosso mundo é demolido e cheio de caos? Basta ver essa parte da letra: “Você não é solitário?/Aí em cima na utopia/Onde nada jamais será suficiente/Alegremente entorpecido/Tão confortáveis, estamos vivendo em uma bolha, bolha/Tão confortáveis, não conseguimos enxergar o problema, problema” então é uma questão de mostrar e acordar a sociedade jovem que esses likes que você ganha não muda sua solidão, só empurra mais um pouco e dar uma anestesiada em tudo, que é uma utopia esse feliz mundo virtual, onde jamais será suficiente e como diz a letra até mesmo para as pessoas que são mais de festas falar da alegria entorpecida, falsos amigos e realidade enquanto o inferno está começando em sua volta, se é que não começou, por isso tantos nesses dois tipos de vidas Katy crítica enquanto um presidente como Donald Trump faz seus absurdos.

Na parte da música que falar: “Ah!/Então coloque seus óculos cor-de-rosa/E festeje/Aumente o som, é a sua música favorita/Dance, dance, dance com a distorção/Aumente o som, coloque para repetir/Tropeçando por aí como um zumbi bêbado/Sim, pensamos que somos livres/Beba, essa é por minha conta/Estamos todos acorrentados ao ritmo/Ao ritmo, ao ritmo”,  ela mostra o tanto que ela está mudada também, pois quem sabe um pouco da carreira delas e música dela, não há muito algo politizado, e sim é mais para indústria musical e festas as músicas dela, daí ela surge bem diferente falando dos óculos cor de rosa que ela é claro fazia muitas músicas nesse estilo e agora está mais séria, não digo que o álbum todo vai ser longe das antigas, pois ainda não foi divulgado (22/03), e assim não faço ideia, somente sei que será algo mais ativista, politizado e contudo será vendável pela indústria musical, mas quem sabe pode mudar as coisas depois de divulgar o álbum todo, possa ser que seja mais crítica pesada, porém, como não, entretanto ela agora crítica o “festeje, aumente o som, dance, coloque para repetir a música” mostrando que o foco agora mudou que o país precisa das pessoas, que literalmente a festa acabou, ou talvez, alguém (o Donald) atrapalhou! Enfim, não é mais festinha é um país e o mundo que está em jogo vendo essa letra e assim retrata o crítico vídeo dessa utopia de mundo maravilhoso assim criticando o jeito zumbi bêbado de ver o sistema não ligar e ouvir uma música, entrar na bolha e achar que está tudo legal, bom e só festa achando que é livre.

Katy Perry contra Trump 02

[Skip Marley]
Este é o meu desejo/Romper as barreiras para conectar, inspirar/Ei, aí em cima, no seu lugar alto, mentirosos/O tempo está contado para o império/A verdade que eles alimentam é fraca
Como muitas outras vezes antes/Eles são gananciosos sobre o povo/Eles estão tropeçando e sendo descuidados/E nós estamos prestes a nos revoltar/Eles acordaram, eles acordaram os leões
(Woo!)

Nessa parte da letra e música quem cantar é ninguém mais ou menos que o Neto do Bob Marley, no qual no clipe quando ele aparece Katy Perry acorda totalmente da utopia e na música há claramente a mensagem de conectar mais, derrubar muros, barreiras e obstáculos, acabar com o criador da pós-verdade e ainda desafia ele falando que o império que pode ser interpretado como os EUA, ou talvez o império de mentiras de Trump e seus absurdos pode estar com os dias contados, também falar das pós-verdade que é uma mentira várias vezes contadas que de alguma forma parece ser verdade depois de um tempo, assim diz tipo: “Você não sabe com quem está mexendo e está subestimando”,

Aumente o som, é a sua música favorita/Dance, dance, dance com a distorção/Aumente o som, coloque para repetir/Tropeçando por aí como um zumbi bêbado/Sim, pensamos que somos livres
Beba, essa é por minha conta/Estamos todos acorrentados ao ritmo/Ao ritmo, ao ritmo/(Aumente o som) e tudo continua, e continua, e continua/(Aumente o som) e tudo continua, e continua, e continua
(E tudo continua, e continua, e continua)/E tudo continua, e continua, e continua/(E continua, e continua, e continua)/Porque estamos todos acorrentados ao ritmo

No clipe faz um tipo de crítica achando que petróleo é como água, talvez falando, perguntando se acha isso em todo lugar para achar que nunca vai acabar, e até mesmo pode ser interpretado por não ligar para o meio ambiente no sentido de achar que petróleo é mais importante que água limpa para bebe, também como na parte das casinhas que são guinchadas para assim o pessoal que entrar brincar de como se fosse o sonho americano de ter uma casa e família do subúrbio feliz é assim mostra no final uma família suburbana feliz, típica americana e perfeita, assim não tendo nenhum defeitos como uma “família nuclear” mostrando dentro da televisão e Katy só acorda definitivamente com Skip Marley saindo da tela e alertando a ela, daí a mesma acorda e ver que a vida não é realmente assim, que há algum anormais, robótico e “zumbiresco” nisso tudo, e que a vida e a verdadeira felicidade vai além disso, além do grande espetáculo que é ficar correndo como um hamster a procura de nada ou uma ilusão e no final tem direito aos segundos de silêncio mostrando o pensamento: “O que é que estou fazendo aqui, o que é que está acontecendo e qual é a realidade?” , uma perfeita e sutil crítica sem sair do salto.

E para terminar não posso deixar de falar a parte da letra que enfatiza mais tudo que já foi dito, como uma pessoa conformada, anestesiada e zumbi que não ligar para a realidade liga apenas para festa, curtição, bebidas e nada mais que isso, somente aumentar o som, viver sua ilusão bêbados feitos zumbi achando que isso é vida e liberdade assim já incluso no sistema e deixando as coisas levar, ou seja, acorrentados ao ritmo que é o sistema, enfim, esse foi o protesto de Katy Perry, da famosa por “Roar” que agora volta com tudo cheia de qualidade, força e trabalhada na ideologia deixar um pouco de festa para um assunto sério e politizado… Afinal, alguém tem que salvar a realidade e torna-la melhor, pois não é só de festa que se faz o mundo e melhor-lá-o!

Imagens retiradas do vídeo do Youtube, com algumas alterações e de todo direito de seus criadores/idealizadores

MBC NEWS MR LAVILLE 04 ASSINATURA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Mais conteúdo

Obrigado pela sua visita! Volte sempre!!

Lembre-se no MBC NEWS, você sempre terá uma opinião!


Adbox